Encerramento do Projeto "Cidadania e dignidade: os paradigmas da pobreza" (EECCAM)

A pobreza é um dos agravantes que podem contribuir para a não dignidade dos milhões de cidadãos que estatisticamente estão inseridos nessa condição. Sabe-se que muitos desses indivíduos estão privados das condições básicas e primordiais para uma vida digna assegurada pela Constituição Federal Brasileira. De acordo com o art. 6o São direitos sociais, a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição. Dessa forma, é salutar abordar o tema Cidadania e dignidade: os paradigmas da pobreza, pois embora seja um fator bastante discutido pelas ciências sociais e filosóficas, faz-se necessário requerer uma reflexão pertinente por parte dos alunos do ensino médio, além de fazer uma aproximação dos pensamentos filosóficos para com a realidade vigente.
Com a finalidade de encetar essa reflexão, o PIBID de Filosofia que atua na EECCAM promoveu neste último 14 de junho um Diálogo Filosófico junto aos alunos do ensino médio daquela instituição. O evento contou com a participação de Pe. Manoel Pedro Neto, presidente da Cáritas de Caicó; Prof. Dr. José Teixeira Neto, coordenador de área do PIBID/Filosofia e professor na Universidade do Estado do Rio grande do Norte e Priscila Medeiros, assistente social e coordenadora de vigilância sócio assistencial da Prefeitura Muncipal de Caicó.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

VIII Semana de Filosofia e VI JENFIC

Encerramento do Projeto “Pobreza: uma dimensão social” na escola campo Centro Educacional José Augusto (CEJA)

Filosofia! Em quadrinhos para principiantes